Editorial | Nº 1 | Seminário Internacional A atualidade do pensamento de Celso Furtado sobre o desenvolvimento

Cadernos do Desenvolvimento

Resumo


O Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento inicia a publicação dos Cadernos do Desenvolvimento com o propósito de contribuir para a atualização e renovação do legado que nos deixou Celso Furtado em sua longa trajetória de intelectual e homem público. O Centro que leva seu nome nasceu em novembro de 2005 como um espaço dedicado ao confronto e à aglutinação de idéias em torno da agenda mundial do desenvolvimento; o mesmo espírito de abertura orienta a linha editorial dos Cadernos do Desenvolvimento.
Neste primeiro número publicamos textos de grandes estudiosos brasileiros e latino-americanos que, em novembro de 2005, se reuniram em Brasília para refletir sobre a atualidade do pensamento de Celso Furtado. Durante três dias eles apresentaram análises e sugestões que, aqui reproduzidas, procuram encontrar o eco necessário para que a discussão se amplie. Repensar o desenvolvimento, depois de quase duas décadas do “pensamento único” que escamoteou os problemas estruturais e impediu estratégias e políticas de superação do subdesenvolvimento, tem relevância tanto maior quando se sabe que a miopia neoliberal, com suas reformas institucionais a favor do mercado, levou o pensamento econômico dominante a não respeitar a heterogeneidade estrutural de nossas sociedades. Isso não só empobreceu a economia como a tornou um instrumento de subordinação cultural aos ditames das agências multilaterais do centro hegemônico. As consequências nocivas não se restringiram ao campo das idéias. Desdobraram-se na prática política de nossa realidade, agravando o subdesenvolvimento, a exclusão social e a estagnação econômica. Assim, retomar as idéias de Celso Furtado é mais que uma homenagem ao mestre. É dar a contribuição intelectual indispensável para que se refaçam diagnósticos e agendas públicas de uma economia política transformadora da realidade brasileira. Os Cadernos do Desenvolvimento integram esse compromisso de pensar o país para mudar sua história.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




            

A edição n. 28 de Cadernos do Desenvolvimento teve apoio da Fundação Oswaldo Cruz, por meio do Projeto "Desafios para o Sistema Único de Saúde no contexto nacional e global de transformações sociais, econômicas e tecnológicas - CEIS 4.0" (Fiocruz/Fiotec)

 

CADERNOS do DESENVOLVIMENTO é uma publicação do
Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento

cadernos@centrocelsofurtado.org.br 

secretaria@centrocelsofurtado.org.br