Mesa III – A integração da América do Sul, desenvolvimento e pobreza: construir um plano de metas sul-americano.

Carlos Tibúrcio, Samuel Pinheiro Guimarães, Armando Mariante, Eugenio Bucci, Mario Lubetkin, Aldo Ferrer, Helio Jaguaribe

Resumo


Samuel Pinheiro Guimarães - gostaria de fazer algumas reflexões sobre o tema da integração sul-americana e o seu subtítulo: construir um plano de metas sul-americano. A questão da integração da América do Sul é um é um verdadeiro sonho do professor Celso Furtado, que lutou por esse processo por toda a sua vida.
Armando Mariante - gostaria de começar com algumas referências aos últimos 15 anos, só para lembrar que foi um período de proliferação de planos de estabilização econômica e políticas econômicas sempre pautados pelo malfadado Consenso de Washington. Nesse cenário, houve um esforço gigantesco dos países para se adequarem ao cardápio do mercado financeiro global, endossado pelos organismos financeiros multilaterais.
Eugênio Bucci - Cabe-me apenas apresentar aos senhores um projeto de integração do nosso continente pela televisão, que já se encontra em funcionamento normal, mas por ser muito novo, numa área em que o amadurecimento de qualquer iniciativa consome de 5 a 10 anos, ainda é bem pouco conhecido.
Mario Lubetkin - Me quiero limitar a los aspectos de comunicación. Y lo primero que quiero decir es la importancia que, desde el nuestro punto de vista, tiene el hecho de la creación del Centro Celso Furtado en el cuadro del Helsinki’s Process, que nosotros vivimos desde el inicio, y que acompañamos desde el punto de vista de la comunicación.
Aldo Ferrer - La primera compara la situación actual del sistema regional con el objetivo del mercado común con libre movilidad de bienes y de factores de la producción y un arancel externo común (AEC) frente al resto del mundo y, a partir de allí, la marcha hacia la plena unión económica y monetaria.
Helio Jaguaribe - Gostaria de iniciar com uma breve clarificação dos conceitos que estão atrás de duas expressões, América Latina e América do Sul. Essas duas realidades freqüentemente são apresentadas como intercambiáveis, e em grande medida já o foram.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Carlos Tibúrcio, Samuel Pinheiro Guimarães, Armando Mariante, Eugenio Bucci, Mario Lubetkin, Aldo Ferrer, Helio Jaguaribe

Curta a página de CADERNOS do DESENVOLVIMENTO


CADERNOS DO DESENVOLVIMENTO é uma publicação do
Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento

Av. Rio Branco, 124, sl 1304, Ed. Edison Passos, Centro, Rio de Janeiro-RJ, 20040-001
Tel.: +55(21) 2178-9540
cadernos@centrocelsofurtado.org.br 

Indexado por