O amálgama constitucional do desenvolvimento na ordem de 1988

Júlio Aurélio Vianna Lopes

Resumo


Apesar de a ampla maioria dos analistas que se debruçaram sobre a formulação da Constituição de 1988 (LAMOUNIER, 1989; KINZO, 1990; MARTÍNEZ-LARA, 1996; MAINWARING e PÉREZ-LIÑAN, 1997; FLEISCHER e MARQUES, 1999; COELHO, 1999; SOUZA, 2003; GOMES, 2006; PILLATTI, 2008 e PRAÇA e NORONHA, 2012) enfatizarem a fragmentação política e ideo­lógica na Assembleia Nacional Constituinte que a elaborou, constatei que a vola­tilidade político-ideológica apontada cedeu lugar, a partir das votações plenárias, à polarização entre dois blocos constituintes bastante definidos: um agrupamento em torno do projeto enviado pela Comissão de Sistematização (dos trabalhos das subcomissões e comissões que a antecederam) e um movimento de reação crí­tica (autointitulado Centro Democrático – também chamado de “Centrão” por seus adversários e muitos de seus membros), especialmente dos papéis econômi­cos atribuídos ao Estado, pelo projeto formulado. De fato, a cisão da Assembleia, desde então, definiu toda a sua dinâmica posterior até o seu desfecho, de modo que sua permanência e magnitude tanto impediram que qualquer dos blocos for­jasse maioria unilateral quanto impôs uma elaboração constitucional consociativa entre ambos (VIANNA LOPES, 2009). [CONTINUA]


Texto completo:

PDF

Referências


Anais da Assembleia Nacional Constituinte, vols. 1 a 25. Brasília: Senado Federal, 1994 (Subsecretaria de Anais/Secretaria de Documentação e Informação).

Anais da Assembleia Nacional Constituinte - SUPLEMENTOS. Brasília: Senado Federal, 1994 (Subsecretaria de Anais/Secretaria de Documentação e Informação).

COELHO, Ricardo Corrêa. (1999), Partidos políticos, maiorias parlamentares e tomada de decisão na Constituinte. São Paulo, tese de doutorado, USP.

COUTO, Cláudio Gonçalves. A longa constituinte: reforma do Estado e fluidez institucional no Brasil. In: Dados, v. 41, nº 1, RJ, 1998.

FLEISCHER, David & MARQUES, Jales. (1999), De facção a partido: a fundação e evolução do PSDB, 1987-1998. Brasília, Instituto Teotônio Vilela.

GOMES, Sandra. (2006), “O impacto das regras de organização do processo legislativo no comportamento dos parlamentares: um estudo de caso da Assembleia Constituinte (19871988)”. Dados, 49: 87-118.

KINZO, Maria D'Alva. (1990), “O quadro partidário na Constituinte”. In Bolívar Lamounier (Org.), De Geisel a Collor: o balanço da transição, São Paulo, Idesp.

LAMOUNIER, Bolívar. (1989), Partidos e uto¬pias: o Brasil no limiar dos anos 90. São Paulo, Loyola.

MAINWARING, Scott & PEREZ-LINAN, Anibal. (1997), “Party discipline in the Brazilian Constitutional Congress”. Legislative Studies Quarterly, 22(4): 453-483.

MARTINEZ-LARA, Javier. (1996), Building democracy in Brazil: the politics of constitutional change, 1985-95. Nova York, St. Martin's Press.

PILATTI, Adriano. (2008), A Constituinte de 1987-1988: progressistas, conservadores, ordem econômica e regras do jogo. Rio de Janeiro, Lumen Júris.

PRAÇA, Sérgio & NORONHA, Lincoln (2012), “Políticas Públicas e a descentralização legislativa na Assembleia Constituinte Brasileira 1987-1988”. RBCS, v. 27, nº 78.

SOUZA, Márcia Teixeira de. (2003), “O processo decisório na Constituição de 1988: práticas institucionais”. Lua Nova, 58: 37-59.

VIANNA LOPES, Júlio Aurélio (2009), “O consórcio político da ordem de 1988”. In: Maria Alice Rezende de Carvalho, Cicero Araújo e Júlio Assis Simões (Org.) A Constituição de 1988 – passado e futuro, SP, Hucitec, pp. 74-100.

______. (2008) A Carta da Democracia: o processo constituinte da ordem pública de 1988, RJ, Topbooks.

______. (2003) O espírito de 1988, RJ, Casa de Rui Barbosa.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Júlio Aurélio Vianna Lopes

Curta a página de CADERNOS do DESENVOLVIMENTO


CADERNOS DO DESENVOLVIMENTO é uma publicação do
Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento

Av. Rio Branco, 124, sl 1304, Ed. Edison Passos, Centro, Rio de Janeiro-RJ, 20040-001
Tel.: +55(21) 2178-9540
cadernos@centrocelsofurtado.org.br 

Indexado por