A Cooperação Sul-Sul e as Redes Estruturantes do Conselho de Saúde da Unasul como instrumentos de desenvolvimento regional

Flávia Thedim Costa Bueno, Mariana Faria, Luana Bermudez

Resumo


Este artigo trata dos enfoques teóricos e campos de análise que fundamentaram a proposta de coope­ração e integração regional da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) e analisa as Redes Estruturantes do Conselho de Saúde Sul-Americano, a partir de marcos e conceitos de cooperação e desenvolvimento. Evidencia a intensificação de um movimento que sur­giu nos anos 50, conhecido como Cooperação Sul-Sul, que se define, de maneira geral, como a cooperação internacional entre países em desenvolvimento. Busca ainda compreender como as estruturas em rede do Conselho funcionam e podem servir de instrumen­tos efetivos aos objetivos do modelo de desenvolvi­mento proposto pela Unasul. A partir disso, debatem a Unasul e seu Conselho de Saúde, reconhecendo a cooperação realizada por meio das redes como uma experiência inovadora e promissora entre instituições do Continente Sul-Americano.


Texto completo:

PDF

Referências


AGRANOFF, Robert. A new look at the valueadding functions of intergovernmental networks. Paper prepared for Seventh National Public Management Research Conference, Georgetown University, October 9 – 11, 2003.

ALMEIDA, Célia; CAMPOS, Rodrigo Pires de; BUSS, Paulo; FERREIRA, José Roberto; FONSECA, Luiz Eduardo. A concepção brasileira de “cooperação sul-sul estruturante em saúde”. Revista Eletrônica de Comunicação, Inovação e Informação em Saúde. Rio de Janeiro, v. 4, nº 1, pp. 25-35, 2010. Disponível em: . Acesso em: 10 mai. 2011.

AMORIM, Celso; DOUSTE-BLAZY, Philippe; WIRAYUDA, Hasan; STORE, Jonas Gahr; CHEIKH, Tidiane Gadio; DLAMINI-ZUMA, Nkosazana; PIBULSONGGRAM, Nitya. Oslo Ministerial Declaration – global health: a pressing foreign policy issue of our time. The Lancet. Vol. 369, Issue 9570, pp. 1373-1378, 2007.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, 1988. Disponível em: . Acesso em: 5 mai. 2011.

BUSS, Paulo; FERREIRA, José Roberto. Diplomacia da Saúde e Cooperação Sul- Sul: as experiências da UNASUL saúde e do Plano Estratégico de Cooperação em Saúde da Comunidade de Países de Língua Portuguesa. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde. V. 4, nº 1, pp. 106-118, 2010a. Disponível em . Acesso em: 10 mar. 2011.

______; FERREIRA, José Roberto. Ensaio crítico sobre a cooperação internacional em saúde. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde. V. 4, nº 1, pp. 93-105, 2010b. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2011.

______; FERREIRA, José Roberto. Cooperação e integração regional em saúde na América do Sul: a contribuição da Unasul-Saúde. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro. V. 16, no. 6, jun 2011. Disponível em: . Acesso em: 4 abr. 2013.

CASTELLS, Manuel; CARDOSO, Gustavo (Orgs.). A Sociedade em Rede: do conhecimento à ação política; Conferência. Belém (Por): Imprensa Nacional, 2005.

FIDLER, David P. The Globalization of public health: the first 100 years of international health diplomacy. Bulletin of the World Health Organization. V. 79, nº 9, pp. 842-849, 2001. Disponível em: . Acesso em: 5 abr. 2011.

FLEURY, Sonia. Redes de políticas: novos desafios para a gestão pública. Administração em Diálogo, São Paulo, nº 7, 2005, pp. 77-89.

FURTADO, Celso. Introdução ao Desenvolvimento: enfoque Histórico Estrutural. 3ª Ed. São Paulo, Paz e Terra: 2000.

ISAGS, I. (Org.); Giovanella, Ligia (Org.); FEO, O. (Org.); FARIA, M. (Org.); TOBAR, S. (Org.). Sistemas de salud en Suramérica: desafíos para la universalidad, la integralidad y la equidad. 1ª Ed. Rio de Janeiro: ISAGS, 2012. V. 1. p. 852.

ISAGS/UNASUR. Conselho de Saúde. 2013. Disponível em: . Acesso em: 1 mai. 2013.

______. Sobre el ISAGS. 2013. Disponível em: . Acesso em: 1 abr. 2013.

KOCHER, Bernardo. De Bandung a Bagdá: Cinquenta Anos de História e Economia Política do Terceiro Mundo. In: Anais Eletrônicos do XI Encontro Regional de História. Rio de Janeiro, ANPUH-RJ, 2004. Disponível em: . Acesso em: 1 mar. 2013.

LEITE, Iara. Cooperação Sul-Sul: Conceito, História e Marcos Interpretativos. Observador On-line, v. 7, nº 3, Mar. 2012. Disponível em: . Acesso em: 15 mar. 2013.

MINHOTO, Laurindo Dias; MARTINS, Carlos Estevam. As redes e o desenvolvimento social. Cadernos FUNDAP, no. 22, 2001, pp. 81-101.

MANDELL, Myrna. Network management: strategic behavior in the public sector. In: GAGE, Robert: MANDELL, Myrna. Strategies for managing intergovernmental policies and network. New York: Praeger, 1990.

MINISTÉRIO DE RELAÇÕES EXTERIORES. Comunicado de Brasília. 1 set. 2000. Disponível em: . Acesso em: 11 abr. 2012.

MOORE, Mark. Criando valor público - Gestão Estratégica no Governo. Letras e Expressões. 2002.

______. Criando valor público por meio de parcerias público-privadas. Revista do Serviço Público Brasília 58 (2): 151-179, abr./jun. 2007.

OLIVEIRA, Marcelo Fernandes de; LUVIZOTTO, Caroline Klaus. Cooperação técnica internacional: aportes teóricos. Revista Brasileira de Política Internacional. V. 54, nº 2, pp. 5-21, 2011.

ORGANIZACIÓN PANAMERICANA DE SALUD (Org). Salud en las Américas: edición de 2012. Panorama regional y perfiles de país. Washington, DC: OPS, 2012.

POGGIESE, Héctor, Redin Ma. Elena y Alí Patricia, “El papel de las redes en el desarrollo local como prácticas asociadas entre Estado y Sociedad”. FLACSO Sede Argentina. Febrero 1999. Buenos. Aires.

RIZZOTTO, M. L. F. A saúde na proposta de desenvolvimento da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL)/ Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). Saúde em Debate. Rio de Janeiro. V. 37, no. 96, pp. 20-31, jan./mar. 2013.

SANTOS, Milton. Por uma outra globalização - do pensamento único à consciência universal. São Pauto: Record, 2000.

SATO, Eiiti. Cooperação Internacional: uma componente essencial das relações internacionais. Revista eletrônica de Comunicação Informação e Inovação em Saúde. V. 4, nº 1, pp. 46-57, 2010. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2011.

SEN, Amartya. Las teorías del desarrollo a principios del siglo XXI. In Cuadernos de Economía, v. XVII, nº 29, Bogotá, 1998. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2013.

SERBIN, Andrés. Globalización y sociedad civil en los procesos de integración. Nueva Sociedad. nº 147, Enero-Febrero 1997, pp. 44-55.

UNASUR. Tratado Constitutivo de la Unión de Naciones Suramericanas. 23 de maio de 2008a. Disponível em: . Acesso em: 17 abr. 2012.

______. Decisión para el Establecimiento del Consejo de Salud de la Unasur. 17 de dezembro de 2008b. Disponível em: . Acesso em: 20 abr. 2013.

______. Resolución 07/2009 del Consejo de Salud de Unasur. 24 de novembro de 2009.

______. Plan Quinquenal. 28 de abril de 2010. Disponível em: . Acesso em: 1 abr. 2013.

______. Estatuto del Instituto Suramericano de Gobierno en Salud.2011. Disponível em: . Acesso em: 1 jan. 2013.

______. Resolución 04/2012 del Consejo de Salud de Unasur. 20 de abril de 2012. Disponível em: . Acesso em: 20 jul. 2013.

UNITED NATIONS. Nairobi outcome document of the High-level United Nations Conference on South-South Cooperation. 2009. Disponível em: . Acesso em: 16 abr. 2013.

UNITED NATIONS, A/res/55/2 United Nations Millennium Declaration. Resolution adopted by the General Assembly, 8 September 2000. Disponível em: . Acesso em: 20 abr. 2013.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Flávia Thedim Costa Bueno, Mariana Faria, Luana Bermudez

Curta a página de CADERNOS do DESENVOLVIMENTO


CADERNOS DO DESENVOLVIMENTO é uma publicação do
Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento

Av. Rio Branco, 124, sl 1304, Ed. Edison Passos, Centro, Rio de Janeiro-RJ, 20040-001
Tel.: +55(21) 2178-9540
cadernos@centrocelsofurtado.org.br 

Indexado por