O Estado do Bem-Estar Social na Idade da Razão | Celia Lessa Kerstenetzky

Luiz Carlos Delorme Prado

Resumo


Neste novo século, a discussão de um projeto de sociedade implica no debate sobre os sucessos e fracassos das utopias sociais do século XX. Compartilho da visão de Celia Lessa Kerstenetzky, autora do instigante livro resenhado, de que o Estado do bem-estar social é uma invenção política e foi, também, a melhor obra da social democracia no último século. Ao confessar meu viés, acuso a natureza das minhas escolhas sobre o que é importante no livro e o que é acessório1. Como afirma Kerstenetzky, este é um livro de defesa do Estado de bem-estar social e de seu valor histórico. A autora apresenta o livro como um diálogo com um interlocutor cético. Vou aceitar o desafio da autora, não como um cético — já que revelei-me um reformista, ou seja, um defensor de uma agenda de reformas socialdemocrata — mas, como um economista, que submete a utopia ao escrutínio da razão e da viabilidade econômica. [CONTINUA]

 

Texto completo:

PDF

Referências


BAMBRA, Clare. “Research Note: Decommodification and the worlds of welfare revisited”, Journal of European Social Policy; Vol 16(1): 73–80; 2006.

COLLIER, David; HIDALGO, Fernado Daniel & MACIUCEANU, Andra Olivia – “Essencially Contested Concepts: Debates and Applications”, Journal of Political Ideologies (October 2006), 11(3), 211–246

ESPING-ANDERSEN, G. The Three Worlds of Welfare Capitalism, Princeton, Princenton University Press, 2009.

GALLIE, W.B ‘Essentially contested concepts’, Proceedings of the Aristotelian Society, 56, 1956.

HEGEL, G.W.F. Introdução à História da Filosofia, Arménio Amado – Editor, Coimbra, 1974.

HUO, J.; NELSON, Moira & STEPHENS, J. D. “Decommodification and activation in social democratic policy: resolving the paradox”, Journal of European Social Policy; Vol 18(1): 5–20; 2008.

MARSHALL, T.H – Citizenship and Social Class and Others Essays, Cambridge at University Press, Cambridge, UK, 1950.

MÜLLER-DOOHM, Stefan & BIRD-POLLAN, Stefan – “Nation state, capitalism, democracy: Philosophical and political motives in the thought of Jürgen Habermas”, European Journal of Social Theory 13(4), 2010, pp. 443-457.

SUSEN, S. – “The transformation of citizenship in complex societies”, Journal of Classical Sociology 10(3) 259–285.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




            

A edição n. 28 de Cadernos do Desenvolvimento teve apoio da Fundação Oswaldo Cruz, por meio do Projeto "Desafios para o Sistema Único de Saúde no contexto nacional e global de transformações sociais, econômicas e tecnológicas - CEIS 4.0" (Fiocruz/Fiotec)

 

CADERNOS do DESENVOLVIMENTO é uma publicação do
Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento

cadernos@centrocelsofurtado.org.br 

secretaria@centrocelsofurtado.org.br